Shonen Brasil

sexta-feira, 15 de março de 2019

Game GRID 2 Gratuito na Humblebundle por tempo limitado!
março 15, 20190 Comentários

Olá pessoal!

O jogo de carro GRID 2 está gratuito na Humblebundle até sábado (16/03/2019) a noite.

Portanto, se tem interesse, não perca tempo e corre lá para pegar o seu.

Basta ter uma conta na loja, adquirir o jogo, pegar as chaves de ativação e inserir na Steam. Pronto, ele estará na sua lista de jogos.



Para quem deseja conhecer melhor o jogo, segue um vídeo do YouTube.



Abraços a todos!

Tempo de leitura:

terça-feira, 12 de março de 2019

Produção Nacional: Em Busca do Poder
março 12, 20190 Comentários

Olá pessoal!

Esta semana um mangá que possui incríveis 43 (QUARENTA E TRÊS) capítulos!

Uma característica especial: Foi criado por uma escola de desenho e os próprios alunos desta escola participavam, desenhavam, coloriam ou finalizavam diversas páginas.

O designer dos personagens é sempre o mesmo, ou seja, por mais que sejam pessoas diferentes em algumas páginas, existia um padrão muito bem vindo no desenho.

O que diferencia entre alguns capítulos e outros, é a técnica de desenho utilizada (grafite, pastel, lápis de cor e etc), mas sempre fazendo sentido no contexto da história. Lendo, entendem melhor.

Desta vez, não trouxe o conteúdo para download dividido em capítulos, mas sim dividido em volumes, pois foi mais fácil upar desta forma no servidor.  

Roteiro: Tassia Accioly
Desenho: Jorge Luiz Silveira
Grupo de Apoio: Windson James (desenhista), Lucas Rodine (arte-finalista), Lucas Seiji (arte-finalista), Emanuel Tadaiesky (cores), Samantha Floriano (desenhista), Fernanda Attianezi (arte-finalista) e grande equipe.
Site Oficial: http://www.embuscadopoder.com/

Download dos capítulos:
(Se algum link estiver quebrado, por favor informe nos comentários ou envie um e-mail)

Volume 01
Volume 02
Volume 03
Tempo de leitura:

sábado, 9 de março de 2019

Jogo Slime Rancher Grátis na Epic Store
março 09, 20190 Comentários

Olá pessoal!

Passando rapidamente para informar que o jogo Slime Rancher está gratuito na Epic Store até o dia 21/03/2019.

Então, se você tem interesse pelo jogo, acesse o site e adquira até esta data.

Até mais!
Tempo de leitura:

quarta-feira, 6 de março de 2019

Os 7 melhores filmes Live Action adaptados dos mangás / animes
março 06, 20190 Comentários

Olá pessoal! Esta semana eu publiquei as minhas impressões sobre Alita, Anjo de Combate (mangá e filme).

E agora resolvi trazer 

Os 5 melhores filmes adaptados dos mangás
na minha opinião, claro 😁

7º Lugar: Gantz


O primeiro filme começou fiel ao mangá e logo depois tomou seu próprio rumo. O segundo filme, com sua própria identidade finalizou a história de Gantz com maestria, o que o próprio mangá original não pôde nos oferecer.

6º Lugar: Ghost in The Shell


"Caramba, é sério mesmo? Esse filme é HORRÍVEL!" Imagino que muitos de vocês possam estar pensando assim. Há pessoas que comparam este filme a "Dragon Ball Evolution" entre as piores adaptações cinematográficas de mangás. Mas devemos ser honestos, o filme é bom, e se tivesse um elenco de "olhos puxados", certamente seria mais receptivo a muitos fãs. Enfim, resolvi colocar Ghost in The Shell pois foi adaptado com muita dedicação e respeito ao título japonês não ficando em nada para trás comparado a outras grandes produções "hollywoodianas". Este filme merece ser lembrado.

5º Lugar: Old Boy



De todos os filmes aqui apresentados, Old Boy de 2005 certamente é o menos conhecido. Sua história passa longe da fantasia apresentada em todos os outros filmes desta lista, sendo um filme mais "realista". Com um final SURPREENDENTE, ao meu ver, melhor que o próprio mangá, também oferece uma motivação mais convincente das atitudes do "vilão" da história, o que no mangá achei muito fútil. Mas cuidado, Old Boy recebeu uma segunda adaptação anos depois, este você pode ignorar com sucesso. 

4º Lugar: Death Note 


Não a versão da Netflix, por favor! Me refiro as primeiras adaptações feitas pelos japoneses, antes mesmo do mangá ganhar um anime. Este filme agradou muito os fãs e não fãs de Death Note, trazendo toda a guerra mental de Kira vs L às telonas de forma que vale a pena ser revisto muitas vezes. Esta primeira adaptação é do ano de 2006 (informo o ano, por que, fora este e o da Netflix, há uma outra adaptação de 2015 que é "legalzinho", sabe?)

3º Lugar: Samurai X


Incrível. Quando eu já estava cansado de adaptações "meia boca" dos japonese de suas próprias obras, aparece um longa que diz: "Há adaptações ótimas no final do túnel". Samurai X com todas as suas lutas, efeitos especiais honestos, sem apelar para a bizarrice (quando tentam adaptar 100% fiel o mangá), cenas que você assiste e diz "Sim, faz sentido isso acontecer neste universo", Samurai X ganhou três filmes grandiosamente bons, sem perder a força a cada lançamento.

2º Lugar: Alita, Anjo de Combate


É, ela tinha que estar aqui. Que filme bom D+. Estou torcendo muito por uma continuação. Para mais informações sobre minha opinião, leia este artigo.

1º Lugar: No Limite do Amanhã


Em minha opinião, esta é a melhor adaptação de um mangá já feito até hoje. Toda a ideia e conceito do mangá "You Will Need is Kill" foi trabalhado e melhorado deixando a história ainda melhor. Este mangá tem o traço de Takeshi Obata (mesmo desenhista do mangá de Death Note). O filme oferece um final que realmente nos satisfaz, pois o mangá original tem apenas dois volumes e termina sem resolver absolutamente nada, diferente do filme.

Menção honrosa: Lobo Solitário


Se quer assistir a um filme FIEL ao mangá, então você precisa assistir a Lobo Solitário. Este recebe uma menção honrosa, por que, ainda que tenha sido comercializado no ocidente como seis filme, na verdade ele era uma série de TV sem cores produzida entre 1972 e 1974 no Japão (Anos depois recebeu cores digitalmente). 

 No Brasil, ganhou uma edição de colecionador em 2012 pela "Versátil Home e Vídeo" dividido em três DVDs. A caixa é linda e muito bem trabalhada. Possui áudio somente em japonês com legendas em português.

Em vez de trazer fotos, fiz este vídeo para demonstrá-lo, acredito que assim possam ver melhor o material vendido no Brasil.



---
Claro que deixei muitos outros filmes bons de fora, muitos adaptados pelos próprios japoneses, mas acredito que estes cinco sejam os melhores para você assistir, se impressionar e tomar gosto por essas adaptações.

Concorda ou discorda? Deixe aqui o seu comentário ou em nosso facebook com o seu Top5 dos filmes adaptados de mangás que você mais gosta e nos ajude a fazer mais listas como estas.

Grandes abraços pessoal!
Tempo de leitura:

domingo, 3 de março de 2019

Minhas impressões sobre - Alita: Anjo de Combate
março 03, 20190 Comentários

Alita: Anjo de Combate (filme no Brasil), Battle Angel Alita (mangá  e filme nos Estados Unidos), Gunnm Hyper Future Vision (mangá e filme no Japão), são os nomes que você pode conhecer esta incrível história de Yukito Kishiro.

O mangá: 

  
Seu estilo é de ação / aventura / ficção científica / cyber punk e somando tudo isso o que não falta é a grande violência. Talvez seja por isso que só chegou a ganhar três OVAs animados, e nunca uma séria completa no Japão.

Entretanto, não só de violência vive Alita. Sua história é muito envolvente, complexa, cheia de altos, baixos e surpresas fazendo você não perder o fôlego em cada página ou capítulo lido, por isso eu recomendo esta leitura.

No Brasil ganhou uma primeira versão em 1990 pela JBC (e esta é aversão que tenho). 

 

Uma curiosidade:
Alita chegou ao Brasil primeiramente de forma não oficial (sim, publicado na pirataria, sem o seu devido licenciamento. Agora só não recordo se teve somente seu primeiro capítulo publicado ou se o segundo chegou a ser impresso e comercializado também). 

Esta publicação gerou um mau estar com os detentores dos direitos autorais no Japão e a JBC foi a "salvadora da pátria" comprando os direitos e publicando legalmente. 

Para se diferenciar da versão "pirata", a JBC lançou o mangá com uma sobre-capa "linda D+" para época (e até mesmo para os padrões de hoje). 

Em 2018 a JBC relançou este grandioso mangá em formato BIG (que compila dois volumes em um só) e hoje lança Alita Last Order (que é uma espécie de "refazendo o final original" permitindo uma continuação daquilo que havia sido finalizado) também no formato BIG. Existem também spin-offs deste mangá mas nunca chegaram ao Brasil.


Outra curiosidade:
O mangá Alita começou a ser publicado na editora Shueisha (a mesma de Dragon Ball e One Piece), mas devido a uma briga do autor com a editora (o motivo, ao meu ver, foi bem fútil), a editora queria relançar o primeiro mangá da Alita e pediu ao autor que revizasse alguns trechos, algumas páginas (o que é bem comum para um relançamento, pois aqui podem consertar erros na história ou no traço / desenho) e o autor simplesmente se aborreceu dizendo que este pedido atrapalhava seu processo criativo da história que estava criando naquele momento (na época ele publicava Last Order). 

Com isso, Alita Last Order é publicado hoje pela editora Kodansha (a mesma de Ataque do Titã e Fairy Tail). 

O filme:

 
Quando penso no filme de Alita, a primeira palavra que vem a minha cabeça é "fidelidade". Sim, nunca vi um filme tão fiel ao mangá quanto este. Muitos trechos são retratados fielmente, mas MUITOS trechos MESMO, do começo ao fim! Isso graças a incrível história do mangá e a grande adaptação de:

James Cameron (Criador de Titanic e Avatar), Laeta Kalogridis, Robert Rodriguez no roteiro;
James Cameron e Jon Landau na produção;
e Robert Rodriguez da direção. 

Veja o trailer:



Ao sair do cinema, vi crianças, adultos e até idosos rasgando elogios ao filme (até meu cunhado que dorme assistindo filme ficou ligado em tudo, rsrs), o que me deixa muito feliz.

O comentário que mais me surpreendeu foi de uma mãe dizendo: "Se eu tiver uma filha, vou colocar o nome dela de Alita". Você pode estar lendo isso e ter pensado exatamente como eu: "nossa, que exagerado", mas se parar para pensar bem, cinema é um veículo que mexe em muito com as emoções das pessoas, de forma tanto positiva quanto negativa, e se Alita conseguiu extrair esta emoção como muitas outras das pessoas, é por que fez bem o seu dever. 

 Personagem Hugo do filme, OVA e mangá

Por mais que este filme seja incrivelmente bom para fãs e para aqueles que nunca ouviram falar de Alita, tenho minhas dúvidas se ele vai receber uma continuação. Não basta ser bom, tem que vender, e para ganhar um "Alita parte 2", o lucro nos cinemas tem que ser, no mínimo, três vezes maior ao seu custo de produção, e é aí que mora o problema.

Alita teve um orçamento de 200 milhões de dólares, ou seja, para o estúdio achar viável uma continuação, Alita deve lucrar ao menos, 600 milhões de dólares. Em minha humilde opinião, como fã, e como torcedor pelo seu sucesso, Alita tem poucas chances de arrecadar um valor tão grande como este.

Por mais que o filme seja muito, (MUITO, MUITO, MUITO, MUITO) bom, ele não é épico ao ponto de fazer você guardar esta mega produção em seu coração ou que tenha fãs (Como a DC ou a Marvel) onde independente de qualquer coisa (sendo bom ou ruim), gastam rios de dinheiros naquilo que amam sempre os apoiando (tornando sempre viável uma continuação).

SIM, Alita merece uma continuação, e por mais que eu esteja preocupado que não consiga, ela merece. Não digo isso como fã, digo isso pois Alita ainda tem muita história para contar nas telonas, uma vez que este filme compilou apenas seus primeiros volumes com maestria.

---
Gostou desta publicação? Deixe seu comentário aqui ou em nosso facebook e siga-nos em nossas redes sociais!

Abraços para todos!
Tempo de leitura:

quinta-feira, 28 de fevereiro de 2019

Produção Nacional: HQs Curtas
fevereiro 28, 20190 Comentários


Olá pessoal!
Esta semana uma HQ de capítulo único honrando seu nome, rs.
Este título está completo e é recomendado para maiores de 18 anos.

Roteiro: Bruno Bispo
Desenho: Victor Freundt
Site Oficial: http://arquivosbaldo.wordpress.com/
Status: Completo

Download dos capítulos:
(Se algum link estiver quebrado, por favor informe nos comentários ou envie um e-mail)

Capítulo 01
Tempo de leitura: